Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe directa ao coração

rabiscado pela Gaffe, em 18.01.14

Ontem recebi um email com um link para uma música que alguém pensou que talvez eu gostasse de ouvir. Fiz o download da melodia e cumpri todos os passos necessários para não desconfigurar nada (comigo até os dedos ficam entalados no teclado). Não a ouvi de imediato. Andei várias horas sem sequer tocar no aparelhinho. À noite, tranquei a porta do quarto, sentei-me na cama e ouvi finalmente a música fantástica que me tinham dado. Ouvi e voltei a ouvir até à exaustão.

Ainda não consegui apagar da cara este sorriso idiota! Tudo porque alguém que não conheço pensou em mim, sem mais nem menos! Assim, só por pensar. Alguém que não conheço procurou, para mim, uma melodia e teclou o endereço onde eu a podia resgatar. Alguém que não conheço e para mim e só e pronto.

 

Não sou muito boa a agradecer estas coisas, porque nunca me acontecem, mas se soubesse configurar este post (e fosse uma menina bem educada), escrevia com letras que não se conhecem, muito pequeninas, mas mesmo muito pequeninas, a palavra obrigada, porque gostava muito de lhe agradecer baixinho. 

 photo man_zps989a72a6.png

Autoria e outros dados (tags, etc)

Gavetas:


foto do autor




  Pesquisar no Blog






Copyrighted.com Registered & Protected 
JIFR-J5MR-Y1XR-YACD