Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe optimista

rabiscado pela Gaffe, em 25.01.14

 photo man_zps989a72a6.png

Autoria e outros dados (tags, etc)

Gavetas:

A Gaffe e os tesouros

rabiscado pela Gaffe, em 25.01.14

O meu pequeno rapazinho tem dois tesouros.

O primeiro é uma caixa bonita de botas de montar, forrada e encadernada pelas mãos do bisavô, com papel colorido, onde guarda todas as histórias que lhe contava e desenhava, ao cair da noite e ao levantar do sono, o querido senhor que lhe oferecera a preciosidade.

A Caixa dos bonecos.

O outro tesouro é Ludovica, a cadela Teckel, esperta e fanfarrona, que evita conflitos dois centímetros mais altos do que ela (o que significa fugir a ladrar à esmagadora maioria dos problemas que surgem). Os dois, cadela e menino, são cúmplices há muito e a Ludovica não escapa, de olhos pesados de preguiça e orelhas tombadas pelo tédio, aos longos debates sobre a vida toda, em que o seu pequeno amigo é moderador e principal vedeta.

No início das noites cansadas demais, havia jogo pela certa.

Uma das propostas a que assisti era simplicíssima. Pintar em papel perdido pequenos segredos.

- Hoje, meu rapazinho, vais desenhar a pessoa que sentes que mais te protege e guarda. Uma fada ou um anjo, por exemplo. Para eu guardar também na minha Caixa de Bonecos.

E o meu avó esperou esgotado pelo dia, ver o dia inteiro salvo no papel riscado.

O pequeno, de responsável lápis, traça concentrado quem mais o protege:

Ludovica!

Vi o senhor inclinar-se, preocupado. Vi-o Levantar de olhos inquietos.

O rapazito diz-lhe então porquê:

- Porque quando nos vemos muito aflitos, a Ludovica corre mais do que eu para te ir chamar.

 

O meu avó guardou até ao fim este tesouro na carteira.

 photo man_zps989a72a6.png

Autoria e outros dados (tags, etc)

Gavetas:


foto do autor








Copyrighted.com Registered & Protected 
JIFR-J5MR-Y1XR-YACD