Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe relativiza

rabiscado pela Gaffe, em 01.04.14

- Canso-me de esperar por ti. Nunca ninguém se demora tanto como tu a não ser Godot. – A minha irmã adora referências literárias. - Ainda por cima incontactável como uma diva!
- Mas afinal o jantar não tinha ficado adiado?! – Espanto-me, com um bocadinho de receio de me ter esquecido da porcaria da marcação.
- Um dia esqueço-me que sou civilizada, calma e soberba e desato  aos berros até me caírem os dentes. – Declaração de guerra assinada com Mont Blanc.
- Mas eu pensei que a bodeguice do jantar estava cancelada! – Choraminguei.
- Deuses! Que tu és tão... bodeguice! – A minha irmã também gosta destes desarranjos linguísticos, o que lhe dá algumas hipóteses de vir a ser considerada vagamente humana.
- Nunca houve jantar nenhum marcado para ontem. Eu estou a falar do almoço de ontem! Fiquei  no restaurante, de pérolas na mão, à tua espera! Até tive tempo de as desfazer. 


Enfim! Na vida há que relativizar tudo. Podia ser pior. Imagine-se que a mulher levava as jóias do namorado.

 photo man_zps989a72a6.png

Autoria e outros dados (tags, etc)





  Pesquisar no Blog






Copyrighted.com Registered & Protected 
JIFR-J5MR-Y1XR-YACD