Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe no CD

rabiscado pela Gaffe, em 23.06.14

Abro uma página web e apanho com uma janela publicitária que me avisa que há um rapazinho que lançou um CD.
o CD tem nome - Só quero que saibas - e o rapaz também: Angel-O.
Devo avisar que nunca no meu despido quotidiano vi o Angel-O. Não sei quem é. Não faço ideia se canta ou se tosse, se dança ou se baila. Não faço questão nenhuma em saber o que faz.
Então, pergunta-se com parcimónia, porque estou eu aqui a referir o rapazinho?!

Há duas grandes razões.
A primeira é porque me apetece.
A segunda é mais simples: o rapazinho tem cara de panão estereotipado (o termo aplicado não é dos mais elaborados, mas acho-o mais ilustrativo do que imbecil).
Então, ranhosa como sou, procuro mais cavacos para a fogueira. Tenho de tirar a coisa a limpo. Não posso deixar de ver se confirmo a minha primeira impressão. Lá ando eu a espreitar o Angel-O pela net fora.
Mas que trolhadeira é aquela?!


Temos um jogador de futebol que é o melhor do mundo, embora pense que Kant é uma penalização em campo - Nã fô fôra de jogue, fô cante; temos um campeão olímpico em salto com eles no sítio (o record e o salto); temos apitos e as pitas rasteiras com mamas de silicone do tamanho de melões de Almerim, pousados nas bancas para quem quiser ver se estão maduros, a apresentar programas infantis (eu vi, juro!); temos o Lobo Antunes a insurgir-se contra os preços dos livros (ok, depois de ter os bolsos cheios à custa desse mesmo preço, mas mesmo assim); temos o Caso dos Submarinos que vai perder o pé não tarda nada; temos o cineasta mais velho do sistema solar ainda em órbita; temos uma cientista que inventou um transístor de papel (não, não sei o que é); temos concursos com a Bárbara Guimarães a fazer aos concorrentes o que alegadamente o Carrilho lhe fez a ela; temos um deputado europeu recém-eleito a rachar nas mulheres vítimas de violência e a afirmar a pés juntos (se os desunisse acho que tombava, porque o achei pedrado) que a Lei era demasiado feminista em relação ao assunto (não compreendi porque não disse que as mulheres deviam era disfarçar e rezar de pé e por causa das coisas e que nada de piquenas a casar com tipos de turbante que rezam de rabo virado para o ar); temos tanta gente a desatar a fugir do país por todo o lado que o primeiro-ministro está careca, tentando esconder a calvície do governo que tem dos que ainda vão ficando; temos a hipótese de, depois da demissão dos Chefes de Serviço, fechar o Hospital de S. João e oferecer um pavilhão multiuso ao Parlamento Europeu e a seguir à fúria dos reitores, encerrar as cidades universitárias e oferecer uns SPA com fisioterapia incorporada à nossa Selecção. 


Não podemos fechar a Assembleia da República e oferecer os nossos políticos aos crocodilos do Nilo, mas temos isto tudo e muito, mas muito mais! Temos até o Angel-O com cara de panão (confirma-se) e músculos em ordem que resplandecem cheios de solário, vestido de índio patacha-turupi-tupinangá a puxar a tanga para baixo para mostrar que tem tudo rapadinho.

A trolhadeirice elevada a estrela.


Somos um País de alto contraste e pleno de diversidade.

Ah! que gande país que somos! qu'a gande e cagande!

 photo man_zps989a72a6.png

Autoria e outros dados (tags, etc)

A Gaffe com gatinhos

rabiscado pela Gaffe, em 23.06.14

Como todas as raparigas mimosas, a Gaffe decidiu publicar gatinhos fofinhos.

Depois não digam que a Gaffe é acidulada e fria, sem pingo de ternura por estes bichanos.

Fotografia de Giampaolo Sgura para OUT

 photo man_zps989a72a6.png

Autoria e outros dados (tags, etc)

Gavetas:


foto do autor








Copyrighted.com Registered & Protected 
JIFR-J5MR-Y1XR-YACD