Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe calórica

rabiscado pela Gaffe, em 26.07.14

Entendo o sofrer daquilo a que vulgarmente se chama deficiência profissional. Compreendo que se observe o universo através do filtro que a vida se encarregou de nos colocar nos olhos. É passível de ser considerado normal equacionarmos o mundo com os instrumentos fornecidos pela constante rotina ou pela dedicação que entregamos ao que nos interessa e ocupa.

Mas, no centro deste grupo unido pela tendência a visionar o mundo com as pinças de uma objectividade oriunda de vícios profissionais, estão as... Nutricionistas!

 

Não há fuga possível! Estamos nós a dissertar sobre os mais prementes dramas globais ou a entregar a nossa mais aguda atenção à recente bisbilhotice cor-de-rosa e, lancetando o discurso, apanhamos a punhalada do:

- Já pensou em deixar de comer a porcaria dos croissants?!

Fica-se com os ditos, estalando quentes e a pingar manteiga, a meio do caminho.

Não! Nunca pensei em deixar de me enfardar com croissants que escorrem manteiga dourada e derretida, macia como nuvem a deslizar pelo queixo, quentes e trigueiros, com uma película tostada e quebradiça que se desfaz nos dentes e os encharca de sabores divinos.

 

Nunca, minha senhora.

 

Por muito que para mim olhe com reprovação estampada nas gengivas, por muito que aniquile o meu desatado prazer de comer o que não aprova, por muito que torça as sobrancelhas e quebre as conversas provando ao pessoal que em vez da amabilidade de ouvir o que se diz, está, mesquinha, a observar o que se come e a enojar-se com o futuro físico da interlocutora, nunca abdicarei dos calóricos croissants e se voltar a interromper o meu pequeno-almoço, quando ao lado do guardanapo é servida também uma calorosa discussão acerca do mais banal dos assuntos (que de tão banal é imperdoável deixar escapar), obrigo-a assistir à minha refeição do meio-dia, amordaçada e com dois pasteis de nata enfiados nos olhos e um éclair em lugar mais parco e mais carente de comida ainda mais calórica.

 

Em alternativa, faço-a comer o que a designer Anna Lomax decidiu criar e que Victoria Ling fotografou com o talento habitual. 

 photo man_zps989a72a6.png

Autoria e outros dados (tags, etc)


foto do autor




  Pesquisar no Blog






Copyrighted.com Registered & Protected 
JIFR-J5MR-Y1XR-YACD