Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Ilustração - Fernando Vicente


Gaffe com Antónios

rabiscado pela Gaffe, em 29.09.14

Existe seguramente uma diferença entre os Antónios.

A Gaffe não faz beicinho e não sente o queixinho a tremer quando vê Costa na frente.  

 photo man_zps989a72a6.png

Autoria e outros dados (tags, etc)

A Gaffe clicando

rabiscado pela Gaffe, em 29.09.14

Não a macem!

É cansativo ouvir dizer pela milionésima vez que o cheiro do papel é imprescindível, que não há nada como o folhear calmo do assunto ou que o volta atrás caseiro e relaxado são alguns dos factores decisivos para a vitória do livro em papel.

Em relação ao cheiro, a Gaffe propõe que se amarrote perto do nariz uma página da Maria enquanto se lê um digital Flaubert, embora considere que, snifar por snifar, antes cocaína.

No que diz respeito às outras prerrogativas, a Gaffe admite que a vida é também feita de pequenos hábitos que se vão criando ou destruindo sem que se transformem em muros cegos ou no fim do destino.

Apesar da Gaffe confessar que prefere o objecto por razões bem mais prosaicas – não consegue ler no monitor do seu PC um texto muito grande sem trocar os olhos – o livro digital é tão desejável quanto o seu rival.

Depois, há sempre Maria Antonieta! Se o livro está pelo preço da morte, comam brioches.

Nesta linha aristocrática de pensamento, a Gaffe decide apontar mais de duas centenas de inodoras preciosidades, sem sequer verificar se as traduções trazem o fétido cheiro dos charcos.

 

 photo man_zps989a72a6.png

Autoria e outros dados (tags, etc)

Gavetas:


foto do autor




  Pesquisar no Blog






Copyrighted.com Registered & Protected 
JIFR-J5MR-Y1XR-YACD