Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe do Nespresso

rabiscado pela Gaffe, em 30.09.14
A máxima o que não mata, engorda, deve ter sido escrita por uma nutricionista psicopata e sem imaginação.

É evidente que a morte é uma dieta certeira. Mortos, emagrecemos imenso, mas é um erro dietético colocar o inverso como facto incontestável. É bem mais certo o não mata, mas mói e toda a rapariga esperta reconhece que moer é um verbo que envolve esmagamento e que pode implicar um pilão e um almofariz.

Estar do lado do pilão, não causa dano. Segundo a Gaffe, quando há vassourada o melhor lugar é ao lado da vassoura. Ser o almofariz subentende apenas o nosso ombro salpicado pelas farinhas do drama alheio.

O problema é quando somos o grão ou os três elementos em simultâneo.

 

Mas deixemos para outros carnavais o matutar sobre este assunto e debrucemo-nos sobre Clooney.

 

O rapagão casou!

 

É curioso o modo como Amal Alamuddin é descrita e são interessantes os comentários que a referem.

Apenso à sua imagem é destacada a sua inteligência. Amul é inteligente, aponta toda a imprensa colocando o apontamento ao lado da notícia que refere que o assalto ao arranha-céus foi executado por um homem de raça negra e outro de etnia cigana e muito perto do comentário desportivo que elogia a bela atleta de salto em altura, detentora de recorde olímpico.

É um escândalo o facto de Clooney se apaixonar por uma mulher inteligente. Que parvo! É uma tolice um homem desatar a querer casar com alguém que não pensa com as mamas, não é?!

A apensar à inteligência, Amul é realmente demasiado magra, embora não pareça apresentar sintomas de patológicas obsessões, excessos doentios ou distúrbios perigosos.

Clooney revela-se mais uma vez um idiota!

Resmas! Resma de boazonas burras e o homem vai escolher um cedro libanês, ainda por cima inteligente!

Bradd Pitt casou com Angelina Jolie, valha-me Deus! Tinha o exemplo ao lado, embora pensar com as mamas não seja neste caso uma referência de bom-tom.

É possível, mas não certo, que Amul se venha a transformar num modelo para algumas raparigas cloonadas e que a anorexia espreite também através dela a instabilidade feminina, mas podemos da mesma forma esperar, sejamos optimistas, que a inteligência noticiada ganhe a parada e que Amul encarne a vitória do cérebro sobre o rabiosque.   

 

Disseram-me um dia que deve ser bom amar um homem feio. Creio que Clooney descobriu como é magnífico amar uma mulher que é apenas imperfeita.  

 photo man_zps989a72a6.png

Autoria e outros dados (tags, etc)


foto do autor




  Pesquisar no Blog






Copyrighted.com Registered & Protected 
JIFR-J5MR-Y1XR-YACD