Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe faz seis sugestões

rabiscado pela Gaffe, em 13.12.14

Rapazes! Saibam que existem regras que transformam as vossas manhãs no nosso prazer.

Não se fala, como é evidente, de escovar os dentes de modo a não intoxicar o beijo matinal, mas sim de pequenos truques que deveis conhecer para manter a nossa atenção à medida que a relação amadurece sem cair de podre.

 

I

1.jpgAntes de levantar, colocar dois saquinhos, frios de preferência, de chá de camomila sobre os olhos. Esmaece as olheiras e disfarça o cansaço e a ressaca de uma noite agitada.

II

2.jpgApós esta operação, que deve demorar no mínimo cinco minutos, é conveniente lavar a cara com água fria procurando não a transformar na roupa branca que a gente estendeu, três corpetes, um avental, sete fronhas, um lençol, três camisas do enxoval, que a freguesa deu ao rol.  

III

3.jpgO escanhoar deve ser suavíssimo, evitando-se as máquinas de barbear que não respeitam o normal crescimento dos pelos e fazem da barba uma confusão de arame farpado e grosseiro. A velha e boa Gillette é sempre a opção mais acertada.

IV

4.jpgQuer o hidrante, quer o after-shave, devem ser cremosos e jamais comprados num estabelecimento de Jerónimo Martins ou de Belmiro de Azevedo. Normalmente esses cheiram a mercearia. Poder-se-ia referir aqueles que nos deixam sideradas pelo encanto, mas só se pedirem muito.

V

5.jpgTratar o cabelo com os produtos comprados nas mesmas superfícies é meia careca andada. Se tentarem a Gaffe com uma suplica a acrescentar à insistência anteriormente referida, esta rapariga aconselha o frasco de nuvens que sabe que existe.

VI

6.jpgUm perfume é o mais seguro caminho para o coração de uma mulher e o mais eficaz para regiões mais ou menos próximas. É proibido Hugo Boss e a gama mais rasca de Armani!

A condição que é reportada em IV e V é agora agravada, tendo em conta que se trata da indicação para a conquista dos órgãos femininos referidos.

 

São seis pequenos nadas que nos podem salvar o acordar e compensar-vos por uma manhã que antecede o tormento das ruas friorentas.

Convém no entanto não demorar muito nestas andanças sugeridas. Uma rapariga não aguarda mais do que trinta minutos pelo fim destas manobras e, caso se ultrapasse o tempo indicado, sereis apenas um rapaz lavadinho a olhar para o brutamontes que decide não acatar estes conselhos, mas que mesmo assim e, com uma facilidade desarmante e ligeiramente consfrangedora, arrebata esta rapariga cansada de esperar.

VIII.jpg

 photo man_zps989a72a6.png

Autoria e outros dados (tags, etc)


foto do autor








Copyrighted.com Registered & Protected 
JIFR-J5MR-Y1XR-YACD