Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe solidária

rabiscado pela Gaffe, em 22.01.15

Chanel.jpgÉ difícil uma rapariga ser atendida condignamente nas lojas em que é preciso ter estampado na testa o cartão de crédito gold. Somos normalmente tratadas com o desplante, o desprezo e a repugnância que a monarquia, anquilosada ou não, dedica a gente sem berço.

Existe sempre, a Gaffe reconhece, a possibilidade de se entrar num provador e desatar aos gritos a perguntar onde está o papel higiénico, mas corre-se o risco de à saída nos apresentarem a conta do que não usamos ou de nos passarem a espreitar através de um postigo, avaliando-nos, como na Joalharia Cartier, em Paris.  

 

A Gaffe decidiu partilhar um segredo.

Seremos tratadas como diamantes se coleccionarmos sacos grifados! Os com mais sucesso são os da Chanel, mas os Cartier ou Óscar de la Renta resultam com eficácia similar.

Escolhemos dois ou três e enfiamos dentro uma ou duas camisolinhas da Zara ou um ou dois jornais amarrotados e com um ar de quem comeu caviar estragado, entramos com eles no braço sempre de modo a que as asas fiquem presas entre a junção do braço com o antebraço e a nossa pequenina e sofisticada mão se mantenha erguida e de dedos esticados, mas tombados. Podemos aparecer esbardalhadas, porque vão pensar que somos apenas modernas e descontraídas.

Convém mexericarmos com um nojo cuidadoso nas peças expostas como se todas tivessem sido contaminadas pelo ébola e jamais solicitar a ajuda das meninas que nesta altura já devem estar prontas para se dissolverem em amabilidade.

 

Resulta na esmagadora maioria das vezes. Nas que falham é porque precisamos mesmo do papel higiénico.   

 photo man_zps989a72a6.png

Autoria e outros dados (tags, etc)


24 rabiscos

Imagem de perfil

De Pandora a 22.01.2015 às 15:59

Dicas preciosas e valiosas para enfrentar os atendimentos em muitas lojas deste país!
Imagem de perfil

De Gaffe a 22.01.2015 às 16:43

Resulta. Mas temos de evitar fazer a cara de quem foi visitar o Sócrates quando olharmos para o preço.
Sem imagem de perfil

De Lizzie Bennet a 22.01.2015 às 16:03

Sinceramente nunca na vida fazia isso, entrava numa dessa lojas como eu sou.
E se sentisse que era mal tratada ou desprezada era simples livro de reclamações e pedia para chamar o gerente e exigia um pedido de desculpas se não resulta-se.
Ponha-lhes um processo em tribunal por descriminação , nunca iria fazer essas figuras só para ser bem atendida.
É por essas e por outras que eles fazem o que querem e lhes apetece, temos de nos impor e não deixar lá por não termos dinheiro, que nos façam isso.
Imagem de perfil

De Gaffe a 22.01.2015 às 16:41

Nunca devemos entrar em lado nenhum apenas como somos. Devemos entrar sempre melhor.
Depois, minha querida, tanto aborrecimento apenas porque um ou dois insectos nos sobrevoam a paisagem?!

É muitíssimo mais divertido mentir-lhes desta forma!
Imagem de perfil

De elsa vai com as outras a 25.01.2015 às 15:54

só somos mal atendidas porque o preço de uma t-shirt é o preço do ordenado de uma dessas empregadas com mau feitio.
Imagem de perfil

De Gaffe a 25.01.2015 às 16:01

Convém não generalizar.
:)
Sem imagem de perfil

De Taras e Manias a 22.01.2015 às 17:46

Dica de génio eheheh


tarasemanias.pt
Imagem de perfil

De Alice Alfazema a 22.01.2015 às 19:41

muito interessante.
Imagem de perfil

De Gaffe a 23.01.2015 às 16:13

E eficaz.
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 25.01.2015 às 14:08

Muito boa ideia.
Mas também garanto que nas marcas "mais baixa", como Bomba& Lola e Massimo Dutti acontece o mesmo.
E já agora, a propósito deste seu post, convido-a, se tiver interesse, a ler um post do mesmo teor, na blogger CC Stylebook.

Imagem de perfil

De Maria Araújo a 25.01.2015 às 14:09

Desculpe...Bimba & Lola
Imagem de perfil

De Gaffe a 25.01.2015 às 16:08

Claro!
Li e não consigo deixar de concordar. O atendimento desagradável das lojas que refere não é inesperado, apesar de continuar imperdoável. Ninguém consegue manter a compostura no meio do caos.
Já nas lojas topo de gama é completamente inadmissível e insultuoso e leva uma criatura a uma aproximação solidária com os assassinos.
Imagem de perfil

De escritaaoluar a 25.01.2015 às 19:45

Por acaso já esbarrei (há alguns anos) com uma ou outra criatura do género Tia petulante, mas, rapidamente, as coloquei no seu devido lugar. Não admito faltas de consideração e/ou educação. Além disso as aparências iludem! Há muita gente a frequentar lojas Chanel, Prada etc. e em casa tem o frigorífico vazio! Opções de vida. Que eu respeito, claro.
Imagem de perfil

De Gaffe a 26.01.2015 às 10:42

Mas é divertido mentir-lhes desta forma! As faltas de consideração devem ser esbofeteadas com luvas de pelica.
Imagem de perfil

De Catarina Seabra a 25.01.2015 às 21:18

Adorei!! Muita arrogância e pouca simpatia são de facto as melhores maneiras para sermos atendidas com simpatia por parte das assistants :)
Imagem de perfil

De Gaffe a 26.01.2015 às 10:43

Os sacos ajudam.
:)
Sem imagem de perfil

De Miss_Moi a 26.01.2015 às 09:38

Genial!
Imagem de perfil

De Gracinha a 26.01.2015 às 15:34

Genial,

A mim em Munich não me deixaram entrar na Chanel porque tinha um carrinho de bebé da BebeConfort e não um Maclaren. só pode!
Imagem de perfil

De Gaffe a 26.01.2015 às 16:09

Ou porque tinhas um bebé em vez de um chihuahua.
Imagem de perfil

De Gaffe a 26.01.2015 às 17:10

:))))
Não sei, mas é bem possível!

Comentar post



foto do autor








Copyrighted.com Registered & Protected 
JIFR-J5MR-Y1XR-YACD