Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe balbucia

rabiscado pela Gaffe, em 24.10.18

P2.jpg

A Gaffe é rapariga bem capaz de se espalhar redonda no lamaçal imenso em que se tornam as polémicas surgidas por declarações minorcas de figuras mais ou menos públicas.

 

Sabe, é evidente, que é uma gigantesca perda de tempo e talvez por isso fique por vezes - infelizmente menos do que o aconselhável - a aguardar a pacificação das vozes, sossegada no seu pequeno e enfezado canto, e, quando tudo parece menos exaltado, acaba timidamente a balbuciar que a cansativa Câncio soa sempre como o hino do Livro das Revelações lido através do sistema sonoro de uma estação de caminhos-de-ferro, por uma reitora já de certa idade usando ceroulas de chita.

 

Maria Leal faz suspeitar que vive como se tivesse sido um rato numa encarnação passada ou espere vir a sê-lo numa futura.

 

Nada de importante.

 

Dois catrogas - que saudades deste ministro tão fofo! - numa praia de nudistas peludos. 

 photo man_zps989a72a6.png


Comentar:

CorretorMais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.




Por força maior, os V. comentários podem ficar sem resposta imediata. Grata pela Vossa presença.


  Pesquisar no Blog