Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe banal

rabiscado pela Gaffe, em 24.06.15

Group self-portrait. New York, 1920..jpgPreocupamo-nos demasiado em parecermos invulgares, originais, únicos, diferentes. Somos levados pelo desejo de nos mostrarmos peça rara capaz de figurar no museu das emoções alheias. Arriscamos mesmo o ridículo se tal for necessário.

No entanto, os nossos mais pequenos gestos, aqueles que fazemos com a maior das naturalidades, aqueles que se tornam automáticos, os banais e corriqueiros, revelam a nossa pertença à imensa maioria dos vulgares.

O nosso polegar direito fica mais próximo de nós quando entrançamos os dedos; a nossa perna esquerda fica por cima quando cruzamos as pernas; a palma da nossa mão esquerda fica virada para cima quando aplaudimos; a nossa mão esquerda fica debaixo do cotovelo direito quando cruzamos os braços.

 

Somos banais, inevitavelmente. Mesmo coroados. Se sentados num trono nos pavoneamos, seria sensato pensarmos na pouquíssima importância que Deus atribui às coroas e aos reinos, tendo em conta a gente a quem Ele os entrega. 

 

Foto - selfie em NY, 1920

 photo man_zps989a72a6.png


8 rabiscos

Imagem de perfil

De Maria Araújo a 24.06.2015 às 11:31


Caramba, Gaffe, estes gestos aqui descritos fizeram-me ter consciência de que isto é mesmo banal.

"O nosso polegar direito fica mais próximo de nós quando entrançamos os dedos; a nossa perna esquerda fica por cima quando cruzamos as pernas; a palma da nossa mão esquerda fica virada para cima quando aplaudimos; a nossa mão esquerda fica debaixo do cotovelo direito quando cruzamos os braços".

Imagem de perfil

De Gaffe a 24.06.2015 às 15:29

Os canhotos fazem o contrário.
:)
Sem imagem de perfil

De Be a 25.06.2015 às 12:14

Fazemos tanto por ser diferentes mas inevitavelmente somos demasiado vulgares na (des) aceitação da diferença.
Nice blog!
Imagem de perfil

De Gaffe a 25.06.2015 às 12:29

O verbo "aceitar" traz sempre um julgamento no âmago.
Sem imagem de perfil

De Paula a 07.10.2015 às 14:07

Comento a imagem, que mostra genialidade em 1920, contra a banalidade que por aí corre e enjoa (pensando todos agora que são os inventores da dita)
Imagem de perfil

De Gaffe a 07.10.2015 às 16:08

mas a figura creio que é a mesma.
Sem imagem de perfil

De Paula a 07.10.2015 às 16:19

Mais elegante!
Imagem de perfil

De Gaffe a 07.10.2015 às 20:40

Não é difícil.
;)

Comentar post





  Pesquisar no Blog

Gui