Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe da Frederica

rabiscado pela Gaffe, em 10.02.17

Fredrica

 

A Gaffe, num dos seus momentos menos conseguidos, decidiu parecer imbecil e examinar a mais cintilante polémica em torna de Cristina Ferreira, para se certificar que não a considera sem razão válida o protótipo da parola esperta que enriqueceu de repente.

 

Deu início a tarefa folheando os blogues de referência e que se debruçam sobre o assunto e estancou no primeiro que passou pelo seu monitor.

 

A amorosíssima Vanessa Martins mostra toda a sua mimosa indignação e bate com os pezinhos no chão perante o carrossel que não abranda movido pela perseguição invejosa que fazem à apresentadora que odeia ser vista e sobretudo ouvida.

A Gaffe tem de admitir que concorda com a irritadíssima Vanessa. Diz-nos num lamento revoltado esta rapariga inteligente que na sua vida profissional há pessoas que questionam como ganha dinheiro com um blogue e acrescenta, sábia, que existem pessoas que só querem saber da vida dos outros. A talentosa Vanessa sente também que as pessoas estão mais ocupadas com a vida dos outros do que com a sua própria vida.

 

Queixumes e revelações que arrancaram à Gaffe, revista nestes pungentes lamentos, uma ou duas lágrimas de solidariedade.

 

Não interessa compreender que é exactamente por causa destas malfadas características do povo que a Vanessa ganha dinheiro com o blogue - segundo as suas belas e expressivas palavras. Não interessa descobrir que a doce menina esbardalha por todo o lado, canto e esquina, pormenores ilustrados da sua vida amorosa que permitem escacar na praça pública o que a rapariga faz em privado - sinto isso na minha vida amorosa, ou seja, faz de conta que sente os cacos do olhar do populacho a picar as fitas e fotografias do seu casamento a cavalgar por todas as redes sociais. Sofre, porque é inocente, porque apenas gosta de viver e partilhar, porque sabe montar o touro da vida e mostrar como é capaz de equilíbrios, porque é feliz e ganha uns trocos com os pequenos nadas do seu quotidiano que publica incessantemente apenas para mostrar ao mundo como é uma menina boa, alegre e não para se expor como carne num talho, mesmo correndo o risco de depois ficar zangadita por perceber que as pessoas não davam nada pelo seu namoro - vingou-se destes abutres, porque entretanto se casou quando ninguém acreditava. Não é preciso fazer notar que o marido é nada mais do que um rapaz muito cerebral de músculos inflacionados que participou, espalhando sofisticação, discrição, charme e discernimento, criando inúmeros momentos de raro raciocínio capaz de ser apenas entendido por Eduardo Lourenço, nas várias edições do Big Brother, que é como sabemos um programa de entretenimento onde a privacidade pugna por se fazer notar.

 

Isso agora não interessa nada.

 

Ilustração - Joachim Barrum

 photo man_zps989a72a6.png


4 rabiscos

Imagem de perfil

De Pequeno caso sério a 10.02.2017 às 19:26

Oh minha cara amiga...
' Tão não é que sem termos falado nisso também decidi ontem à noite falar sobre revistas femininas?!
Também falei da Cristina mas pouco pois da defunta revista (que afinal já não o é ) só conheço as capas . Gostei particularmente da do Quaresma. Estava ali um trabalho muito bem feito, sim senhor.

; )
Imagem de perfil

De Gaffe a 10.02.2017 às 19:43

Foi a única que me fez parar ppr uns instantes...
Sem imagem de perfil

De Bruno a 10.02.2017 às 21:26

Vinha comentar que não sei quem é a Vanessa, nem o dito namorado... e parei aqui... por causa do Quaresma, que... vai lá, vai. Desculpa a brejeirice de palavras, mas o homem é bom todos os dias!
(Há uns tempos atrás, dei com uma Blogger a comentar que não entendia o que víamos no Quaresma, com ar de chunga e que só se gostava dele porque era famoso e etcéteras tais... mal a menina sabe que há rapazes desses, sem serem famosos, que dão uma ataque cardíaco a muito boa gente, comigo incluídos...)
Quanto à Vanessa, ao marido ou namorado ou o que seja... desconheço-os por completo, nem o Big brother, nem a Casa dos Segredos me chamam como espectador.
Imagem de perfil

De Gaffe a 10.02.2017 às 21:40

A Vanessa nao interessa.
O Quaresma é interessante, mas não tomvo comovida.
Ou seja, mais valia ter escrito um post a falar de passarinhos.
:)

Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.





  Pesquisar no Blog

Gui