Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe de Mariana Monteiro

rabiscado pela Gaffe, em 16.06.15

img_650x412$2015_04_10_22_18_52_98173.jpg

 Protejam-se!

Anda à solta uma fashion adviser com um ar de madrasta da Branca de Neve, nariz adunco e conselhos assassinos, paga por uma marca de tintas para o cabelo - de composição duvidosa tendo em conta os resultados.

A senhora surge de fugida, amorosa e dedicada, a impingir uma mistela que transforma em arame farpado as nossas sedosas cabeleiras, ao lado das vítimas que de súbito ficam com uma peça de LEGO encaixada na cabeça.

A primeira vítima foi a delicada Sara Matos que se tingiu com borra de vinho tinto. A segunda é Mariana Monteiro.

Se Sara Matos, apesar de tudo, tem uma graciosidade capaz de nos distrair e desculpar as ameixas que esmagou na cabeça, Mariana Monteiro não tem ponta por onde se lhe pegue.

A moçoila não é boa actriz, embora provavelmente seja boa atrás. É uma petiza desengraçada que quando sai de um táxi não paga a bandeirada, porque o motorista jura que não transportou vivalma.

Mariana Monteiro esbarra-se loira, com um acessório que parece um cocó ressequido de um Grand Danois com cirrose. Um loiro baço, deslocado, vulgar, quase oxidado, oxigenado, queimado e duro que mantém todas as características do erro capilar de Sara Matos.

Ver a pobre moça a tentar baloiçar a carapaça que se lhe colou à cabeça, é causa de vergonha alheia. Ver surgir a moreníssima rapariga rematada com aquela peça de cimento com corantes tem o mesmo impacto que ver a idosa que depois de fazer xixi fica com a bainha da saia presa no cinto. Apetece remediar o acidente, mas falta-nos a coragem para lhe tocar.

 

A dúvida que sobrevém no caso de Sara Matos que nos surgia com um ar felicíssimo depois de esbardalhar o cabelo, aparece agora neste último desastre muito mais atenuada.

Sara Matos fornecia-nos duas hipóteses muito simples:                 

Seria naturalmente loira ou então uma artista excelente.

 

Sabemos que Mariana Monteiro não é boa actriz.

 photo man_zps989a72a6.png


16 rabiscos

Imagem de perfil

De Gaffe a 16.06.2015 às 14:53

Oh!
Mas os cabelos brancos são tão bonitos!

O charme é usá-los sem qualquer receio. São como um diadema.
Gosto tanto.
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 16.06.2015 às 16:30

São bonitos para quem tem rosto mais maduro.
Tenho umas quantas rugas de expressão, o meu cabelo foi loiro até aos 20 anos, escureceu e a partir dos 30ta e tantos apareceram os primeiros cabelos brancos.
Não me via de cabelos brancos tendo eu um aspeto de "menina" quer no cabelo quer na roupa que visto (sem exageros).
Comecei a pintá-lo, porque sim, e desde então nunca mais deixei. Como não tenho paciência para estar horas no cabeleireiro dou o meu jeito, nunca fiquei mal.
Se um dia deixar de o fazer, será por algum motivo muito especial.
Mas conheço mulheres mais jovens que tinham cabelo escuro, estão agora nos 45/49 têm o cabelo grisalho, não o pintam e eu gosto.

Imagem de perfil

De Gaffe a 16.06.2015 às 17:12

Não posso concordar contigo. São lindíssimos em qualquer idade.
o suposto envelhecimento que dizem causar, creio dever-se apenas ao corte que os cabeleireiros ranhosos lhes fazem.

Há mulheres com cabeleiras brancas que as usam com uma inteligência e uma sedução maravilhosas.
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 16.06.2015 às 20:12


Eu não tenho aspeto de velha (ahahahaha), pode ver a minha página de FB, mas sou cota, não me vejo, por enquanto, com o cabelo todo branco. Far-me-ia mais velha com corpo de rapariga.
Mas há mulheres que eu admiro por assumirem as suas brancas e uma delas está aqui:

http://pnt.up.pt/?p=124
Imagem de perfil

De Gaffe a 16.06.2015 às 20:27

Gosto muito de Gabriela Moita.


(Temos o mesmo cabeleireiro!)
:)))
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 16.06.2015 às 22:27


Que surpresa!
É que eu adoro ouvir essa senhora.
Conheci o Dr. Júlio Machado Vaz há uns anos em Póvoa de Lanhoso (ele vive em Vieira do Minho), numa pequena palestra na Câmara Municipal e, como sempre, gostei muito de o ouvir. Capta, conquista.
Fui procurar quem é o filho dele nos Os Azeitonas, conforme referiu no comentário do meu canto, e depois de ler duas longas entrevistas, uma delas ainda recente no Notícias Magazine, é o guitarrista de nome João.
Desculpe os comentários, mas tive imenso prazer em trocar consigo estas banalidades.
Uma boa noite.
Imagem de perfil

De Gaffe a 17.06.2015 às 09:19

É sempre um prazer.

Não devo, nem posso, tecer qualquer comentário relativamente a JMV.
Posso no entanto dizer que a minha opinião é exactamente a oposta.
:)
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 17.06.2015 às 10:34

Opiniões respeitam-se e eu acho que ele é um bom comunicador na sua área. Contudo, senti que marca distâncias entre si e o público depois de acabada, no caso, a palestra.
E pelo que li, não tem problema algum em mostrar que gosta de estar sozinho(não sendo um homem só).
Não prolongou mais este assunto, porque só o conheço e admiro-o pelo que escutou e leio.
Até logo.


Imagem de perfil

De Gaffe a 17.06.2015 às 10:39

É um bom comunicador, sim.

;)
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 17.06.2015 às 22:37

"não prolongou", desculpe, mas devia ter escrito "Não prolongo", mas escrevi do tablet e ele "corrige" tudo.
Tão inteligente!
Imagem de perfil

De Gaffe a 18.06.2015 às 09:01

Não tem importância. Eu entendi.
:)

Comentar post





  Pesquisar no Blog

Gui