Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe de todos os nomes

rabiscado pela Gaffe, em 29.10.15

o teu nome.jpgO nome dos outros em mim como tatuadas gentilezas. Na minha alma nua a morrer de frio consigo ler o nome dos outros a pena escritos ou desenhados ténues ou indeléveis brotando da macia superfície. Como se a cada nome fosse entregue um espaço meu, da minha alma nua que treme precipitada pelo frio. Como se a minha memória fosse este lugar despido e nada mais houvesse a não ser o risco que cada nome na minha alma nua faz, florindo a pele.

 

De todos os nomes na minha alma fria aquele que eu consumo, gasto, esbato, diminuo, adoço e esmaeço, tem a cor do afago e no lado esquerdo de todos os sentidos, o teu nome, avô, vai devagar pousar no coração.

 photo man_zps989a72a6.png

Gavetas:


8 rabiscos

Imagem de perfil

De Gaffe a 29.10.2015 às 19:40

Dizes muitas vezes quase tudo.

Comentar post





  Pesquisar no Blog

Gui