Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe "décadente"

rabiscado pela Gaffe, em 10.04.18

Caminhar

No dia oito deste mês estas Avenidas fizeram dez anos.

 

É realmente demasiado tempo.

Já não me lembro da rapariga que escolheu a primeira palavra solta, num texto solto de um livro aberto, para encabeçar o blog. É evidente que não vou fazer retrospectivas ou balanços. Acho-os deprimentes.

Caíram países, morreram governos, tombaram ilusões, esqueceram-se tragédias, continuaram os assassínios, ergueram-se pontes para que as armas chegassem aos outros lados, morreram-nos, morrermo-nos. Também fomos felizes. Também esperamos Godot. Também cuidamos das roseiras.

Talvez por isso - e pelo que não se diz por ser moroso - acabe apenas espantada por ter conseguido manter milhares de palavras presas por fios que nunca tive a coragem de cortar e que me deixaram sossegada com alguma facilidade – e antes isso, que andar na droga.

 

Dizer que cresci durante este tempo aqui passado, é uma forma suave de disfarçar a palavra envelhecer. Crescer é sempre um distanciar, um apurar de limites e fronteiras, o desenhar de espaços íntegros e nossa pertença, um aprimorar dos sentidos e uma admissão do que valemos em consciência. Crescer, diz um Amigo, é educar a violência. Crescer é portanto envelhecer. Só envelhecendo nos tornamos pacíficos. A violência é sempre consequência de tenebrosa imaturidade.

Pasmo perante este processo de inversão Kafkiana que molda uma mulher a partir de uma barata.

 

Suponho que ainda não sei para onde vou. Aprendi há pouco tempo a caminhar.

 photo man_zps989a72a6.png

Autoria e outros dados (tags, etc)

Gavetas:


29 rabiscos

Imagem de perfil

De Neurótika Webb a 10.04.2018 às 12:06

Olha...parabéns! Uma década é bonito...
Imagem de perfil

De Gaffe a 10.04.2018 às 12:21

E um bocadinho preocupante. Mantenho há dez anos uma tolice bastante infantil. Tenho de me livrar disto.
:)
PREOCUPANTE.
Imagem de perfil

De Quarentona a 10.04.2018 às 13:51

Toma lá uma beijoca de parabéns! Acompanho-te há muito menos anos, mas sempre com um enorme prazer a calcorrear estas Avenidas repletas de montras deslumbrantes. Decadência?! Nunca a encontrei :))))
Imagem de perfil

De Gaffe a 10.04.2018 às 14:48

Mas existe. Sou uma decadente deslumbrante.
:)))
Obrigada.
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 10.04.2018 às 14:00

Parabéns, Gaffe.
Se há blog nesta blogosfera que tenho imenso prazer ler, e nem sempre comento, são estas requintadas Avenidas.
10 anos que se sentiu crescer com elegância, um savoir -faire que faz inveja a muitas jovens que por aqui passam...e cotas como eu.
Faço minhas as palavras do seu amigo.
Quero que continue por cá por muito tempo.
Gosto muito de si.


Imagem de perfil

De Gaffe a 10.04.2018 às 14:47

Obrigada, minha amiga.
Fico sensibilizada. É muito gentil.

(NÃO somos cotas!!!)
Imagem de perfil

De Genny a 10.04.2018 às 15:07

Ainda consigo ultrapassar-te, 11 anos por aqui
E deves continuar a caminhar, porque é muito agradável acompanhar os teus passos.

Imagem de perfil

De Gaffe a 10.04.2018 às 16:07

Obrigada.
:)
Mas há que admitir que 10/11 anos é tempo em demasia.
Sem imagem de perfil

De linda blue a 10.04.2018 às 16:05

E cresceste muito, Gaffe, no sentido ascendente. Em dez anos, construíste uma obra de valor inestimável, estimada por tantos como eu.
Desejo que venham mais dez, por períodos iguais e sucessivos!
Parabéns pelas bodas de estanho. Para o ano, serão as de aço, cada vez mais fortes!
Grande beijinho :*
Imagem de perfil

De Gaffe a 10.04.2018 às 16:08

Obrigada.
Espero estar contigo para festejar tudo o que vier. Nem imaginas o quanto gosto de festejar a vida contigo.
Imagem de perfil

De Rui Pereira a 10.04.2018 às 16:28

A calcorrear as avenidas sou um novato e, por isso mesmo, não consigo identificar evolução. Mas aquilo que tenho capacidade de ver é saudável e intrigante. Decadentemente bom. Parabéns!
Imagem de perfil

De Gaffe a 10.04.2018 às 16:59

Espero que tenha tido em conta a minha bicicleta.

Obrigada.
:)*
Imagem de perfil

De Rui Pereira a 10.04.2018 às 17:44

Bicicleta? A Gaffe tem uma bicicleta? Não sabia...
Imagem de perfil

De Gaffe a 10.04.2018 às 18:21

Vou tendo, meu querido. Vou tendo. As suspeito que não uma daquelas que refere. É mais de pontapé.
;)
Imagem de perfil

De Rui Pereira a 11.04.2018 às 12:41

Não gosto de futebol... ;)
Imagem de perfil

De Gaffe a 11.04.2018 às 15:33

Eu só gosto das pernas dos jogadores.
Imagem de perfil

De Fleuma a 10.04.2018 às 17:14

Aqui existe um raro e precioso brilho. O labirinto que se desvia de uma imensa e monótona maioria. Sabe deste meu pensamento.

Permita-me no entanto, reservas perante este " Só envelhecendo nos tornamos pacíficos.", pois já muitas vezes testemunhei exatamente o oposto.

E já agora abusando, " A violência é sempre consequência de tenebrosa imaturidade.", sei da extrema violência causada por criaturas friamente maturas. Aliás, nada se lhe pode comparar.

Mas divago neste espaço, cara Gaffe.

Por amor de todos os santos e demónios, tente nunca saber que trilhos tomar!

Beijo e vénia.
Imagem de perfil

De Gaffe a 10.04.2018 às 18:28

Creio que me convém acreditar que a maturidade que refere, geradora de violência, é somente o desequilíbrio que cresce. Ajuda-me a compreender o que de contrário não conseguiria aguentar.

Acredito também - sabendo do engano - que envelhecer é também começar a entender o final das tragédias. Este entendimento provoca o sossego. É finalmente uma aproximação à tranquilidade estranha do caos.

Um beijo.
Imagem de perfil

De Pequeno caso sério a 10.04.2018 às 18:29

Uma década de tesouros que connosco partilhas. Obrigada por isso.
Não tive a felicidade de te descobrir no início mas, seja lá como for, quis o destino, que as minhas maluqueiras acabassem por esbarrar nas tuas avenidas. E tem sido tão bom!
Por cá continuarei. Todos os dias.

Termino com algo que associei imediatamente à data que hoje comemoras : um trecho da música do grande Paulo de Carvalho

"10 Anos
é muito tempo
Muitos dias,
muitas horas a cantar*
10 Anos
é muito tempo
Deste tempo inteiro que eu vos quero dar"


*se substituires o "cantar" por "escrever",parece que foi feita a pensar em ti.

Um abraço apertadinho minha amiga.
:)*




Imagem de perfil

De Gaffe a 10.04.2018 às 20:02

:)
Gosto tanto de ti!
Obrigada.
Imagem de perfil

De Corvo a 10.04.2018 às 19:47

Muitos parabéns, encantadora Gaffe.
E muitas outras décadas venham. Se recordar é viver, - e já que aflora o futuro na perspectiva do envelhecimento, mais um quase nada e a menina pespegava-lhe com um ocaso existencial, - então mais tarde viverá na leitura destas linhas recordando horas passadas que o tempo levou.
Por acaso não faço meus os pensamentos do seu amigo que lhe disse: "crescer é educar a violência. Crescer é portanto envelhecer. Só envelhecendo nos tornamos pacíficos. A violência é sempre consequência de tenebrosa imaturidade."
Tenho para mim que crescer, portanto envelhecer, é mais um aperfeiçoar de cínica dissimulação conducente a uma violência incomparavelmente maior, mas recebida com um sorriso de agradável aceitação induzido pela metamorfose que a experiência do ou da tal que cresceu, espelhou ao praticá-la.
Reitero os parabéns desejando-lhe que a senda de agradabilidade de agora se perpetue muito para lá do tal crescimento.
Toda a minha simpatia para si.
Imagem de perfil

De Gaffe a 10.04.2018 às 20:01

Um eterno cavalheiro.
Sinto-me tão honrada por merecer a sua atenção!

O que refere, meu querido Corvo, não é envelhecer. É ir morrendo devagar, acreditando que se está vivo a cada momento de violência.

Obrigada.
Sem imagem de perfil

De Isa a 11.04.2018 às 00:21

Um texto magnífico, como magnificas são estas Avenidas que tive o imenso gosto de conhecer e admirar, desde o 1º instante. Não sei se envelhecer nos torna pacíficos. A mim não tornou. Contudo tornou-me muito mais selectiva em relação ao que e como, deixo a violència manifestar-se. Portanto sim, acho que aprendemos a educa-la, como diz o teu sábio Amigo, ainda que nem sempre a saibamos educar bem.
Caminhas maravilhosamente bem, minha querida. Tomara eu, que tantos anos te levo à frente, caminhar com a tua elegância e ter já a minha violência tão educada quanto a tua.

Beijo de parabéns. Que venham mais 10, e que, enquanto por aqui andarmos, sejas sempre uma inspiração para mim. (Desejo-te eu, egoisticamente).


Imagem de perfil

De Gaffe a 11.04.2018 às 15:35

Tu és tão, mas tão especial. Escolho ficar quieta e calada a ouvir tudo o que tens para escrever com um jeito de memória impossível de duplicar.
Obrigada.
Sem imagem de perfil

De Mam'Zelle a 11.04.2018 às 12:48

Muitos parabéns, Gaffe!
Que outras, muitas, décadas se juntem a esta.
Que te mantenhas por cá, pela blogosfera, com esse teu discernimento e encanto natural.
Não sou pessoa de gostar de muita coisa (excepto comida, gosto de quase toda), mas gosto muito deste teu espaço. Arrisco-me até a dizer que, mesmo sem te 'conhecer', gosto também de ti.

:)
Imagem de perfil

De Gaffe a 11.04.2018 às 15:34

Oh!
Obrigada. Fico toda orgulhosa.
Sou portanto um belo prato?
;)
Sem imagem de perfil

De Mam'Zelle a 12.04.2018 às 13:10

És pois. Sem dúvida. Uma iguaria. Daquelas boas, boas. ;)
Imagem de perfil

De Gaffe a 12.04.2018 às 14:40

Em resumo: uma "boazona".
:)
Sem imagem de perfil

De Mam'Zelle a 17.04.2018 às 14:45

Ora, nem mais. :)

Comentar post



foto do autor