Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe e as eurovisíveis

rabiscado pela Gaffe, em 11.05.18

1.212.jpg

 

A Gaffe não atribui grande importância ao facto do inglês de Catarina Furtado ser desenrascated. Foi pena ter cometido o erro de pensar em português, traduzindo depois para a língua de Sua Majestade. No entanto, apesar de alegadamente - o que a Gaffe correu para conseguir encaixar esta palavra, dava um trilho paisagístico! – deslumbrante, apesar da sua poderosa presença e indiscutível beleza, a rapariga não foi esperta. Teve um ano para se preparar e descurou o que a condena agora, arriscando a parecer uma vamp com dificuldades de locomoção linguística. Não basta ser a namoradinha de Portugal, há que evitar encarnar a Miss que bamboleia as ancas para enganar o enrolar da língua.

 

Sílvia Alberto disfarçou o mesmo desatando a gritar sempre que lhe era entregue a tocha, como se a plateia fosse composta por surdos - há razões para se suspeitar que era.

 

Filomena Cautela - esfrangalhada aqui, provou que num registo diferente do ali tratado, se portava comme il faut, bastando a sua invulgar genica para aguentar o alarido medonho que explodia em fogo de artifício mal a interpretação se esbardalhava aos gritos.

 

Daniela Ruah, depois de assustar com um allure vagamente cavalar, convenceu. É competentíssima e estranhamente bonita.

 

A Gaffe não responde aos idiotas ingleses que se indignaram com a performance do Herman, porque tal permitiria que continuassem a falar.

   

As cançonetas apuradas possibilitam considerar a portuguesa uma das mais agradáveis, o que constitui um milagre e coloca Salvador Sobral no galho dos parvos iludidos.

 

A Gaffe acaba de comentar o Eurofestival.

 photo man_zps989a72a6.png

Autoria e outros dados (tags, etc)

Gavetas:


28 rabiscos

Sem imagem de perfil

De Cuca, a Pirata a 11.05.2018 às 15:14

Agora que já chegou à blogosfera de qualidade, tenho de ir ver isso. É em que canal e quando?
Imagem de perfil

De Gaffe a 11.05.2018 às 15:57

Não chegou a lado nenhum! Só passou por aqui e foi-se.

Mas tu não vás!
Basta um vislumbre para ficares devidamente informada e surda, ou, em alternativa, reveres um dos eurofestivais anteriores.
Imagem de perfil

De Quarentona a 11.05.2018 às 15:20

Coitada da Catarina, com certeza que a maioria que a criticou nem sabe distinguir um british accent do norte do Reino Unido de um do sul, mas adiante.
A Alberto esteve igual a si própria, benzinho.
A Ruah é explêndida, mais ainda tendo em consideração que foi a sua estreia nestas coisas da apresentação.
E finalmente, eu simplesmente adorei a Cautela, presença ligeiramente louca, inglês coloquial fluente, boa capacidade de improvisação, sentido de humor apuradíssimo e aqueles olhos que encandeiam qualquer um, enfim, fiquei fã :))))
A minha música preferida, é a única que é fora da caixa, para não variar ;)))))
Imagem de perfil

De Gaffe a 11.05.2018 às 15:54

A verdade, minha querida, é que a Catarina escorregou um bocadito. Não tem importância nenhuma. Continua a ser Catarina Furtado - seja lá o que isso for.

Eu li o teu post. A canção que escolheste até me arrepiou a bainha do vestido.
Deuses! Que barulheira. Até fiquei nervosa.
:)))
Imagem de perfil

De Gaffe a 11.05.2018 às 15:58

Não havia um caixão com um aspirante a vampiro a arder por todo o lado?!
Imagem de perfil

De Quarentona a 11.05.2018 às 16:09

Hã?... Caixão? Vampiro? Não estarás a confundir com a atuação da Ucrânia? Foi o que me pareceu mais próximo da saga do “Crepúsculo”.
Imagem de perfil

De Gaffe a 11.05.2018 às 16:17

Não sei. Confundo os países todos.
Um com uma lente colorida num olho.

Achei estranha a actuação de uma senhora deficiente que enfiaram em cima de um monte. Parecia uma cafeteira gigante.
E fiquei pasmada com uma outra que parecia doida, encastelada numa saia com diarreia luminotécnica. Até o gato fugiu AOS SALTOS.

Assim de repente é o que me salta à memória.
Sem imagem de perfil

De Pedro Wasari a 11.05.2018 às 16:46

Achei uma parolice, a apresentação ser feita em inglês. Mas tendo que ser, (sei lá, obrigações contratuais) podiam fazer uma tradução mesmo que ligeira. Já agora, os gritos histéricos das apresentadoras não precisavam se ser traduzidos.

Para memória futura: Só aguentei 10 minutos daquele pavor
Imagem de perfil

De Gaffe a 11.05.2018 às 20:29

Creio que é uma regra.
Sinceramente acho que todos tinham fumado qualquer ... coisita ...
Sem imagem de perfil

De Carlos Berkeley Cotter a 11.05.2018 às 19:34

Pois.
Rapariga esperta, como é, deve ter razão.
Não sei como arranjar disposição para ver tal entretenimento.
Bom fim de semana.
Imagem de perfil

De Gaffe a 11.05.2018 às 20:30

Sugiro tampões nos ouvidos e óculos escuros por causa das luzes.
Verá que é divertido.
:)
Imagem de perfil

De Gaffe a 11.05.2018 às 20:36

E um belo fim-de -semana!
:)*
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 11.05.2018 às 20:40

A Gaffe a comentar o festival da canção, devo estar equivocado no blogue...

WW
Imagem de perfil

De Gaffe a 11.05.2018 às 22:00

Oh!
A Gaffe é muito povo, muita democracia, muita diversidade, muito populismo, muita demagogia.

Recorde que uma das conquistas de Abril é podermos de tudo falar, podermos tudo denunciar, sem que ninguém vá preso. Ninguém. Até os denunciados.
:)))
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 12.05.2018 às 14:39

OH discordo Gaffe, a menina é esperta, da Nobreza Absoluta, muito religiosa a seguir as regras.
Quanto ao resto tem razão ninguém vai preso...
Cordiais saudações.

WW
Imagem de perfil

De Gaffe a 12.05.2018 às 17:21

Acaba por ter razão, mas há que ter presente que as únicas regras que conheço são as estipuladas para me dar prazer. Não sei se existem outras, pois ignoro sempre o que me aborrece.
:)
Imagem de perfil

De Pequeno caso sério a 11.05.2018 às 22:04

Ainda não vi nada mas vou tentar ver este sábado mas não me surpreenderia se continuasse a achar a canção portuguesa uma candidata à vitoória.

Quanto às apresentadoras, só gosto da Cautela que continua fiel a si própria. Todas as outras estão muitíssimo (mal ) fabricadas.
Fui só eu que achei a Sílvia Alberto com uma cara mexida ?


Imagem de perfil

De Gaffe a 12.05.2018 às 11:50

Qual vitória?

O problema da Alberto é que está sempre "mais ou menos".
Sem imagem de perfil

De mdlsds a 12.05.2018 às 10:49

Não podia ter escolhido melhor imagem para este post. 😊
Imagem de perfil

De Gaffe a 12.05.2018 às 11:49

Faço os possíveis.
;)
Imagem de perfil

De Helena Duque a 12.05.2018 às 12:14

Não tive oportunidade de ver, mas depois deste post e respectivos comentários, não sei se quero ver...
Imagem de perfil

De Gaffe a 12.05.2018 às 14:05

O curioso é que eu também não quero, mas acabo sempre a espreitar.
:)
Imagem de perfil

De Corvo a 12.05.2018 às 12:46

Totalmente a leste do que se passa e do que aqui se discute.
Em todo o caso, no que quer que seja que lhe desperte o interesse positivo, pois que corra tudo pelo melhor. :)
Um bom fim-de-semana.
Imagem de perfil

De Gaffe a 12.05.2018 às 14:06

Faz muito bem.
O leste é sempre um lugar a anotar.

Bom fim-de-semana.
Sem imagem de perfil

De Cuca, a Pirata a 13.05.2018 às 13:32

Fui ver, naquela modalidade de andar com o comando para trás e para a frente. Registo a coragem da intérprete inglesa que depois daquele susto conseguiu continuar a cantar. Foi a única coisa que gostei de ver. Ah, e a Catarina está bom umas pernas fantásticas!
Imagem de perfil

De Gaffe a 14.05.2018 às 09:19

Não vi a final. Tive uma data de gente a jantar comigo e nenhuma achou por bem jantar a lareira do eurofestival.
Apanhei apenas Ana Moura e Mariza. Depois tudo se finou, inclusivamente a canção portuguesa que achou que era boa ideia concorrer contra Salvador Sobral, num despique parvo. Não foi boa ideia desde o princípio.O interessante é que talvez não seja de todo parvo tentar perceber de uma vez por todas que não é o cenário, as escuras cénicas, a lagrimazita ao canto do olho e a pieguice de uma letra totó cantada ao som de violinos, que vencem eurofestivais, nem o seu contrário.

De todos os festivais a que assisti, só venceu realmente Salvador Sobral.

Ah! e os ABBA.
:))))

Comentar post


Pág. 1/2



foto do autor