Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe emocional

rabiscado pela Gaffe, em 30.03.17

Peter Lippmann

 

O dia atira-se contra as paredes e faz do tempo que passa um trapo que se esquece no côncavo das horas mortas.

 

Estou cansada e penso que hoje todas as minhas emoções foram dispostas como naturezas-mortas. Alguém, externo ao meu sentir, assim as quis e assim foram entregues.

 

São emoções sem a minha alma dentro.

 

Fotografia - Peter Lippmann

 photo man_zps989a72a6.png

Gavetas:


7 rabiscos

Imagem de perfil

De Corvo a 30.03.2017 às 12:51

Mau: ou melhor; bom!
Emoções com a alma em vacances por algures, são interesses. Normalmente muito proveitosos para quem os conjectura.
:)
Imagem de perfil

De Gaffe a 30.03.2017 às 16:55

Conjura os algures?
:)))

Ah! as emoções descontroladas. Essas sociopatas.
Imagem de perfil

De Corvo a 30.03.2017 às 17:21

Ai senhores, tudo são emoções
Ai senhores, tudo são conjurações
Batem forte, os incontroláveis corações
Rufam almas, de insondáveis palpitações.
:)))
Imagem de perfil

De Gaffe a 30.03.2017 às 18:57

Ah!
Uma cuesia!
Sem imagem de perfil

De Corvus intragavus a 30.03.2017 às 21:21

Isso é cuesia, é? Isso não é nada. Onde está a profundidade de uma verdadeira cuesia?
Botem aqui os dois... ambos os olhos, e pasmem.

Ai senhora, de tão profundas convicções.
Ó mulher, a todos queres meter nas prisões.
Ai senhora, repensa lá melhores soluções
Ó dona, quem depois te atura as palpitações

Aprenderam?

Imagem de perfil

De Gaffe a 30.03.2017 às 22:16

Aprendemos e pasmamos.
Imagem de perfil

De Corvo a 31.03.2017 às 11:54

Pasmado e espalmado debaixo de tanta arte.

Comentar post





  Pesquisar no Blog

Gui