Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe encanecida

rabiscado pela Gaffe, em 25.10.18

1366_2000.png

AD_MAN_CAMPAIGN_FW18_SEMASVIEJO_01_LQ_a.jpg

 

Adolfo Dominguez é um dos mais prestigiados criadores de trapos capaz de produzir fortunas com peças suficientemente básicas e inteligentes que acabam a agradar a públicos diversos. Embora não seja - nem de longe, nem de perto -, um dos meus favoritos, é responsável por uma campanha admirável que visa a valorização da idade, a durabilidade, a qualidade e a longevidade - das peças e das pessoas.

 

Sé más viejo

 

O elogio da velhice, a promoção da sabedoria que advém da experiência e da capacidade de racionalizar - e relativizar -, o que se consome, está aliada ao enaltecimento daqueles que ostentam orgulhosamente as cãs que entregam o charme e a beleza inconfundível a quem sabe envelhecer.

 

É lógico que a campanha teve em consideração o facto de vivermos num planeta habitado por gente cada vez mais velha e necessariamente alvo de maior atenção dos publicitários ao serviço do consumo, mas é também verdade que a ainda lenta valorização do envelhecimento assumido sem artifícios, nos vai mostrado a extraordinária beleza das mulheres e dos homens que se vão afastando do ideal de excelência que entroniza a juventude, que lhe entrega a única e derradeira forma de se ser perfeito.

 

Cada um destes velhos nos prova, em todos os momentos, que envelhecer é somente uma outra forma de se ser magnífico.     

 photo man_zps989a72a6.png


15 rabiscos

Imagem de perfil

De gatodeloiça a 25.10.2018 às 19:04

É verdade! Há velhas bem mais bonitas que as jovens, e também há velhos que se conservaram bem com o tempo, e que apesar de mostrarem sinais de velhice, se mantêm atraentes! Mas também há o reverso, se bem que acontece em todas as idades!
Imagem de perfil

De Gaffe a 25.10.2018 às 19:19

A atracção, a beleza, a elegância, o charme e a sedução não estão directamente ligados à idade. Suspeito mesmo que têm pouco a ver com a juventude.
Creio que fomos enganados durante demasiado tempo.

Envelhecer, saber envelhecer, é uma estupenda forma de se provar inteligência (e de a usar).
Imagem de perfil

De Ana a 25.10.2018 às 21:22

Boa noite !

Tenho uma amiga com perto de 80 anos que muitas vezes parece ela que tem a minha idade e eu a dela . Tanto a nivel fisico como a nivel mental e intelectual .

A idade cada vez mais é apenas um numero !
Imagem de perfil

De Gaffe a 25.10.2018 às 22:44

Os meus avós foram sempre mais jovens do que eu.
Sapientíssimos.
O branco ficava-lhes tão bem! Nunca mais vi - e procuro tanto! - a brancura fenomenal dos seus cabelos.
Imagem de perfil

De Ana a 25.10.2018 às 22:49

A minha avó materna tem 93 anos e o cabelo todo branco, tipo algodão. Linda!
Perfil Facebook

De Maria Araújo a 25.10.2018 às 22:59

Por vezes,nas ruas desta pequena cidade, vêem-se "velhos"'que são o exemplo do charme e da.elegância do saber estar e ser.
Sem palavras para os seus comentários.
Imagem de perfil

De Gaffe a 25.10.2018 às 23:25

Sim.
A minha vida teve vários exemplos. Estou grata por isso.
:)*
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 26.10.2018 às 16:22

Como é que aconteceu aparecer a foto da minha página do FB? É que nem me ligo e/ou nem partilho nada do cantinho no FB.
Inacreditável!
Comentário escrito no meu telemóvel, deu nisto.
Um bom fim-de-semana.
Imagem de perfil

De Gaffe a 26.10.2018 às 16:34

:)
Não dê importância. As redes sociais são umas "cuscas".
;)
Imagem de perfil

De Pequeno caso sério a 25.10.2018 às 23:00

Esse é o lado bonito de envelhecer.
Depois há o outro lado.


Assusta - me a velhice. A dos meus e a minha.
Já tive vários períodos de "dependência " e já dependeram de mim outras tantas. Tudo se resolveu pois sabíamos que melhoraria.
A grande porra é quando as melhoras não chegarem e a consciência da finitude sem dignidade se apoderar de nós.

Devíamos ter um botão que se pudesse colocar no "off" quando a hora chegasse.

: /
Imagem de perfil

De Gaffe a 25.10.2018 às 23:24

Absolutamente de acordo.
Mas repara que saber envelhecer implica uma consciência lúcida da nossa finitude.
Há velhices trágicas. Estão na ante-câmara da morte, de todas as mortes.

Refiro apenas o envelhecer capaz de produzir beleza. Limito em demasia, e com certeza de forma medíocre, esta inevitabilidade.
Sou ingénua, eu sei. Preciso de envelhecer.
Imagem de perfil

De Corvo a 26.10.2018 às 10:39

Excelente Gaffe. Sempre delicada numa apresentação encantadora sobre magnificência da velhice; foi assim que disse, não foi? envelhecer é somente uma outra forma de se ser magnífico.
Pois eu acho que essa magnificência se mostrava melhor se desaparecessem do mundo, que as mais das vezes só cá andam a estorvar e a dar trabalhos a quem tem de esgaravatar para sobreviver. Já para não falar dos casos por todos sobejamente conhecidos, das vergonhas que fazem passar aos familiares
Particularmente acho que as pessoas vivem de mais. Estimo que entre os setenta e cinco, oitenta anos é uma excelente idade para morrer.
Portanto, e no meu entendimento, velho magnífico é velho desaparecido.

Imagem de perfil

De Gaffe a 26.10.2018 às 11:41

Arrepiou-me.
Não é bonito arrepiar desta forma uma rapariga simples.
Imagem de perfil

De Corvo a 26.10.2018 às 11:45

É um privilégio falar para quem tão bem nos compreende.
:)
Imagem de perfil

De Gaffe a 26.10.2018 às 12:26

Maroto.

Comentar post





  Pesquisar no Blog

Gui