Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe Leal

rabiscado pela Gaffe, em 17.10.18

mosca.gif

Uma das grandes e irremediáveis tragédias deste país é esta de ter de ser uma vigarice foleira e obscena de uma varejeira qualquer a fazer com nos apercebamos do monumental talento e da obra extraordinária de Paulo-Guilherme d'Eça Leal.

 photo man_zps989a72a6.png


2 rabiscos

Imagem de perfil

De Quarentona a 18.10.2018 às 12:42

Não vi a reportagem, mas também não é preciso para conseguir ver à distância o tipo de gaja que essa maria é, enfim. Sobre a obra Eça Leal, também sou uma inculta :(((
Sobre o Monchique, adoro, principalmente quando encarna a Amália Rodrigues. E também gosto do Jorge Jesus do Eduardo. Já o Herman, continua a ser o meu ídolo :)))
Também tive um tio-avô que era padre, jesuíta e missionário, das melhores pessoas que conheci, guardo-lhe tantas e tão boas recordações :))))
Imagem de perfil

De Gaffe a 18.10.2018 às 13:21

Oh! Não sabia!
Pensava que só me tinha acontecido a mim.
O meu tio-avô é franciscano. Tem 90 anos e continua a ser um dos maiores latinistas da Península. Um extraordinário e bondoso sábio. Viveu praticamente toda a vida em Espanha. Agora está connosco durante uns tempos.
Gosto muitíssimo dele.

Continuo a escolher o Monchique. O Herman FOI maravilhoso. Sobreviveu o Nelo.

Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.





  Pesquisar no Blog

Gui