Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe pinoqueiresca

rabiscado pela Gaffe, em 28.03.18

pin..jpg

 

Estendida na cama, de barriga para o ar, perninha alçada e mãos a servir de almofada, repelta de glamour, hesitava eu em reflectir sobre a Teoria das Partículas e o aumento do PIB no 3º anel, quando o rapagão se vira, apoia a cabecinha numa das mãos e desata a observar-me.

 

Olhei de lado, procurando não fazer muito barulho. Podia ser que o rapaz tivesse petrificado. Seria bastante agradável, em todos os aspectos.

 

- Tens uns olhos gigantes - murmura.

Foi neste exacto instante que me lembrei do atarracado, rechonchudo e irritante Capuchinho Vermelho, a saltaricar pela floresta, prontinho a ser comido.

- Assim cabes todo dentro deles - rosnei eu, através de um sorrisinho amarelo pastel.

- A tua boca é tão perfeita - continuou, ainda com os bolinhos no cesto.

- É só porque tu a beijas - mostrei os dentes desta vez. Brancos de neve. 

- Amo-te  - saltitou o Bambi.

 

Virei-me e obriguei-o a mentir mais.

Prefiro o Pinóquio.

 photo man_zps989a72a6.png

Gavetas:


Comentar:

CorretorMais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.




Por força maior, os V. comentários podem ficar sem resposta imediata. Grata pela Vossa presença.


  Pesquisar no Blog