Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe predadora

rabiscado pela Gaffe, em 12.05.14

 photo man_zps989a72a6.png


5 rabiscos

Sem imagem de perfil

De O Lobo a 12.05.2014 às 20:11

Obrigado.(porque sou um Lobo)
Se calhar o obrigado bastava.
Este Lobo um dia viveu num prédio onde vagou numa casa( só vagavam porque morte..)
Instalou-se nesse andar uma jornalista que cobriu vários cenários de guerra e muitos etc .. ( eu até tinha alguma admiração pela rapariga)
primeiro encontro, por educação mesmo que fossem pessoas estranhas visitas de outros inquilinos, se alguém se cruzava com o Lobo, saia imediatamente um bom dia , ou boa tarde ou até boa noite.. foi o que fiz .. penso que não obtive resposta.. mas não liguei muito, há pessoas que falam baixinho .. e há pessoas distraídas.. (mas era impossível não me ter visto)
Voltou a acontecer e dessa vez este Lobo estava atento..
Não estava habituado nem nunca lhe iria dizer nada..
Mas houve um belo dia, que vinha sozinho no elevador e quando cheguei ao rés-do-chão e abro a porta (daquelas antigas de correr)
e lá estava ela , imóvel , acreditem ficámos uns segundos a olhar olhos nos olhos.. pareceu-me uma eternidade.. (por muito que eu goste de abrir a porta dum carro para uma rapariga entrar.. ajudar uma velhinha a atravessar a rua .. e outras tantas coisas que para mim nem fazem parte do cavalheirismo, mas das elementares regras de boa educação) , nunca mas nunca vi alguém entrar para o elevador sem deixar a outra pessoa seguir o seu caminho primeiro.. Lá veio o instinto do Lobo, estava na hora de agir e não fazia o meu género para lhe agarrar na mão beijá-la levá-la para casa dela e devorá-la como se dum belo tornedó se tratasse tive mesmo de me encolher tentando não a derrubar, mas foi obrigatório que a deixasse cheirar-me pois os nossos ombros foram forçados a se tocarem...
Não sei se foi do meu cheiro ou dos meus olhos .. mas depois desse dia, as vezes que nos voltámos a cruzar, tomou sempre a iniciativa de me cumprimentar, chegando mesmo a "tímidos sorrisos", nunca lhe devolvi sorriso nenhum (e eu que não guardo rancor, e que adoro sorrir) mas talvez porque foi das poucas pessoas que conseguiu me bloquear o cérebro.
Nunca vou saber porque raio..não me queria deixar sair do elevador..
Aqui vai uma dica do Lobo, (tenho virtudes e defeitos uma talvez seja ser como costumam dizer "gabarolas" ou convencido) sei lá pouco importa, desde que eu goste de mim e que não minta estou em paz comigo, é tudo o que mais importa.
Então cá vai a dica .. inicei-me nas artes marciais com 6 anos, comecei pelo judo.. (aprendi a saber cair) aos 10 fui praticar também aikido (aprendi a fazer "cair" os outros)..
Para desgosto meu (mas a vida é assim) já me foi útil, infelizmente porque odeio mesmo violência..
não pratiquei mas gostava de o ter feito jiu jitsu e fico-me por estas três.
Isto não é para fazer mal aos outros é simplesmente para auto protecção e para proteger quem está connosco(só usar em caso extremo, limite, risco de vida...)
Se não for assim é simplesmente um acto puro de cobardia, é igual
a dar com um pau na cabeça de um indefeso....

http://www.youtube.com/watch?v=d0NPpJImxtI

Não foi o meu mestre, mas foi um francês muito parecido.

Imagem de perfil

De Gaffe a 12.05.2014 às 21:07

Às vezes apetece-me imenso ser perita em artes marciais... sem a filosofia que as transcende...
Sem imagem de perfil

De O Lobo a 12.05.2014 às 21:13

Se prometer que fica pelo apetite, quem sabe se um dia não lhe ensino o "q.b." :)*
Imagem de perfil

De Gaffe a 12.05.2014 às 21:16

Não se esqueça que sou uma excelente cobradora de promessas.
Sem imagem de perfil

De O Lobo a 13.05.2014 às 00:10

Não esqueço, nem me assusta :)
"Não come de forma exagerada, embora tenha tendência para se transformar em javarda quando a gastronomia é portuguesa"
Palavras da Gaffe avarenta.

Não sei explicar algumas coisas (muitas), duas vezes épocas diferentes mulheres diferentes, acabei de jantar e fiquei a apreciar,
eram ambas educadas, sabiam perfeitamente agarrar nos talheres não eram sequer "gordinhas", mas comiam comiam comiam, quanto mais comiam mais eu sentia uma sensação quase orgásmica , talvez fosse das ver a comer com tanta alegria, talvez porque tivesse sido
eu a cozinhar( a minha parte de pessoa "modesta" a falar) , podia evitar ter escrito que fui eu que cozinhei. mas é mais forte do que eu... :) Fiquei a saber que é uma das coisas que gosto de ver numa mulher, é evidente que depois recomenda-se sais de frutos e uma boa caminhada.
Ruivita agora feche os olhos, é para os meninos:)

Vou dar uma dica, para quem já percebeu que sexo, o vulgar sexo é sempre a mesma m...

Ruiva ou para de ler ou eu de escrever...

obrigado,

Tentem experimentar uma coisa,depois de uma conversa agradável já na cama troca miminhos (para os que ainda nunca experimentaram evidentemente), acariciem uma mulher (mínimo duas horas) todos os preliminares, vale o que a vossa imaginação ditar desde que vejam que ela está a gostar (atenção a certas partes que são muito sensíveis,o que quero dizer é que tenham cuidado com os dentes) vamos imaginar que chegaram ao fim, depois agarrem-se a ela e voltem a falar e a trocar miminhos
se conseguirem adormecer sem que ela vos obrigue a penetra-la, a maior parte vão tentar, e a ideia não é fazer a mulher sofrer. Pode-se tornar bastante complicado...
Se conseguirem talvez na noite seguinte depois de novamente acariciarem etc etc começarem o acto talvez sintam algo que nunca sentiram.
Não faço a mínima das ideias, se isto já foi escrito num "kamasutra" qualquer, foi qualquer coisa que um dia experimentei e falhei falhei até que deu certo, (falhava sempre porque elas não deixavam) mas quando consegui qualificar de excelente é muito pouco. Não tem nada a ver com o "Tântrico" se isto ainda tiver patente, podem-lhe dar nome.. O Lobo :)
O sexo é tabú para muita gente, mas talvez conversar trocar ideias fosse bom, claro que agora pensei o que seria estar com esta conversa na presença das minhas tias (já nem falo da minha mãe), não sei se lhes dava algum fanico(são doutra geração), também fizeram as suas maluquices (tenho quase a certeza), mas não se sabe de nada, e nunca se vai saber.
Ah, em Outubro dediquei-me ao celibato por tempo indeterminado, não há uma razão que se possa dizer foi por isto ou por aquilo.. Talvez alguma saturação.. informaticamente será reset
.. Se calhar o meu subconsciente convenceu-se que se estiver por exemplo um ano sossegado volto a ser virgem... infinitas possibilidades, acreditam que me sinto bem? :)

Ruivita volte a ler, não é por ser jovem era por ser menina e eu apeteceu-me escrever para os "meninos":)
Isto dos meninos não é ofensa eu também já fui, e em muitas coisas ainda sou e sabe-me tão bem..

Veja lá o meu mau génio, invado-lhe o seu espaço, não a "deixo" ler o que escrevo, pode-me bater,pode-me chamar nomes, pode-me me mandar para o cesto, mas no fim dê-me um beijinho está bem? :) é que mesmo quando escrevo coisas que não devia não deixo de ser o seu Lobo:) *



Comentar post





  Pesquisar no Blog

Gui