Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ilustração - Fernando Vicente


A Gaffe referendada

rabiscado pela Gaffe, em 06.07.15

oui!.jpgA Gaffe é uma tontinha e dignificando este estatuto, confirma que não entende rigorosamente nada das gregas manobras ditas democráticas que desarranjam o Projecto Europeu contaminando-o, conspurcando-o, com aquilo a que aborrecidamente se poderá chamar a decisão do povo.

 

A Gaffe está convencida de uma coisa. O boletim de voto do referendo grego devia ser o da imagem. Traz a resposta certa, é charmoso de um modo francês - muito apropriado - e dava conta de uma certa intimidade muito simpática com a senhora da Europa.  

 

A Gaffe prefere, quando há vassourada, ficar sempre ao lado da vassoura e não se inibe de unir a sua voz ao coro trágico que denuncia o cataclismo que a Grécia decidiu encarnar a partir de agora, vaticinando a calamidade mais abjecta e não atribuindo importância ao facto de ter sido este povo aquele que mais resistiu à ocupação alemã em tempo idos e em nome daquilo que hoje é claramente pechisbeque. É gente com experiência na área das tragédias e é difícil alterar-lhe o enredo que escolheu. É gente pobre que não passa temporadas em Santorini. Todos os que valem a pena sabem que uma coisa dessas não tem nada a perder. Normalmente agarra-se a tolices que pareciam enterradas, às convicções mais bizarras, à incompreensível dignidade, à anacrónica noção de liberdade, a direitos que só os levam ao abismo e a ilusória tentativa de modificarem o destino que contratualizaram sem saber.

 

Nós, europeus, esperamos não os ouvir a ganir quando o osso que lhe atiramos deixar de ter bocados de carne agarrados.

 photo man_zps989a72a6.png

Gavetas:


2 rabiscos

Imagem de perfil

De Maria Araújo a 06.07.2015 às 20:59



As opiniões são tão divergentes.
Imagem de perfil

De Gaffe a 06.07.2015 às 21:38

Já li várias. Algumas até fazem doer.
A minha é a mais tonta.
:)

Comentar post





  Pesquisar no Blog

Gui